10 Filmes sobre o Fim do Mundo




1. Dr. Fantástico (no auge da guerra fria, um enlouquecido general americano decide atacar a União Soviética com bombas atômicas, o que poderá gerar um hecatombe nuclear, enquanto o resto do mundo tenta impedi-lo... em vão. uma das obras-primas de Stanley Kubrick)


 
2. Melancolia (enquanto um planeta chamado Melancolia está prestes a colidir com a Terra, o que provocará sua completa destruição, uma noiva - Kirsten Dunst - está realizando sua suntuosa cerimônia de casamento, com a ajuda da irmã e do rico cunhado. um filme metáfora sobre a depressão extremada, que destrói nosso mundo. outro grande filme de Lars von Trier)


  
3. A Última Noite (no dia 31 de dezembro de 1999 restam poucas horas para o fim do mundo, anunciado meses antes. a maioria das pessoas, resignadas, buscam concretizar seus planos para usar o tempo que resta até a hora zero. escrito, dirigido e estrelado por Don McKellar, roteirista de 'Ensaio sobre Cegueira', é um filme de 1998 barato e muito interessante)


Jed Brophy: O Senhor dos "Papéis"

Você já deve ter se perguntado, em algum momento, como é possível elencar, de forma tão abundante, um filme como O Senhor dos Anéis, confere? A resposta para esta questão é pura e simples: não existe tanta abundância assim. Em algumas situações, a tecnologia de computação gráfica dá conta de tudo, aumentando números nas cenas, com um método que ilude o cinéfilo, fazendo-o acreditar que existem milhares de indivíduos num mesmo ambiente. Em outras, o próprio elenco pré-definido divide-se em várias personagens, sem mesmo que o espectador perceba isso. Este último caso, certamente, é de maior interesse para falar do épico Jed Brophy.


Patient J



Por esses dias comecei a garimpar uns filmes de produção independente, principalmente por perceber que esse estilo permite que a imaginação de cada autor floresça em histórias surpreendentes e com ramificações inimagináveis até então, pelo simples fato da desnecessária obsessão em se agradar os críticos. Foi aí então que conheci a Bat In The Sun Production, que produz materiais sobre a história do herói mais obscuro da DC, e também se comparado a todos os outros: Batman. Deixando sempre explícito a inexistência de qualquer ligação com a DC Comics ou Warner Bros, a BITSP me ofereceu a oportunidade de ter acesso ao curta de 2005, Patient J (Batman: Paciente Coringa, em português). Filme sem fins lucrativos e sem qualquer pretensão de comercialização, realizado unicamente para fins privados.

Gonzaga - de Pai para Filho


Um filme que não puxa sardinha para o lado de ninguém e que narra quase que fielmente a trajetória de dois grandes expoentes da música popularíssima do Brasil. Essa seria uma boa descrição para adequar ao longa-metragem dirigido pelo premiado Breno Silveira - Dois Filhos de Francisco (2005); Eu, Tu, Eles (2000) –, lançado recentemente nas galerias de cinemas de todo o país. Um produto muito bom, que arrancou aplausos do público e algumas lágrimas dos mais emocionados na sala em que não me arrependi de entrar. Com uma fotografia divinamente peculiar do nordeste, uma excelente produção e uma atuação bastante agradável de Júlio Andrade, Gonzaga – de pai para filho (2012) é um daqueles filmes que entram para o hall das produções que ganharam grande destaque por homenagear figuras extremamente famosas da vida real, mas que também não perde o foco e não deixa de acrescentar nos quesitos detalhes técnicos e originalidade.

CASHBACK e o tempo irreal


Em meio a tantos outros filmes que primam pela qualidade técnica de seus efeitos, venho apresentar um filme que por vezes hesitei em escrever sobre, talvez por me achar incapacitado de expor tamanha complexidade, mas hoje resolvi colocar para fora o que vi em Cashback, ou parafraseando uma fala do protagonista: quando assistir, eu não somente o vi, mas o senti.
Vamos à sinopse. Um estudante de arte (Ben Willis), interpretado por Sean Biggerstaff, após um doloroso fim de relacionamento, percebe-se com insônia. Sem conseguir dormir - e com muito tempo de sobra -, ele resolve arrumar um emprego no turno da madrugada em um supermercado. Justamente por ser um horário dispendioso, o tédio e a contagem dos minutos são os principais rivais. Assim, cada um dos colegas de trabalho de Ben possui a sua forma de combatê-los. Talvez pelo excesso de criatividade, talvez por ser um talento real, Ben consegue parar o tempo, podendo andar contemplativo pelos corredores e deixando a sua imaginação fluir naturalmente.

Um Conto Chinês

O filme ‘Un Cuento Chino’ (Um Conto chinês), coprodução Argentina/Espanha, conta a história do encontro inusitado e completamente por acaso de Roberto (Ricardo Darín), um vendedor de ferramentas; com Jun, um chinês perdido na Argentina que está à procura de um tio.
Roberto não se acostuma com gente, leva uma vida de manias... E ao se vê obrigado a hospedar Jun enquanto este não encontra o tio, ele o faz contrariado. A relação de incomunicabilidade entre os dois se deve tanto à estranheza de idiomas como à convivência forçada, de completo desajuste.
Na China, Jun era um artesão que trabalhava pintando brinquedos e estava prestes a casar. No entanto, ele perde a noiva, morta por uma vaca que caiu do céu (da mesma forma que Jun ‘despencou’ na vida de Roberto). Depois disso, resolve ir atrás do único membro vivo de sua família, o tio que mora na Argentina, tendo apenas um endereço.
Roberto se esforça para afastar as pessoas. É um veterano da Guerra das Malvinas que ao voltar para casa depois da derrota para a Inglaterra, vê que seu pai morreu às vésperas da sua chegada. E assim como esse episódio da sua vida, coleciona outras notícias que segundo ele comprovam como a vida não faz sentido... Entre elas, aquela de uma perseguição a contrabandistas de vacas na China que acaba causando uma pane na aeronave usada para transportar as vacas, de onde escapam algumas delas em pleno voo.

Damnation: continuação arrasadora da animação Resident Evil



Alguns elementos nada complexos, porém essenciais, fazem da animação em 3D Resident Evil: Damnation (ou Biohazard: Damnation) um filme surpreendente.  Criado pela Capcom e Sony Pictures, essa sequência de Resident Evil: Degeneration, lançada neste ano de 2012, tem direção de Makoto Kamiya e foi produzida por Hiroyuki Kobayashi.

Os filmes mais politicamente incorretos



O Grande Ditador - Além de satirizar Adolf Hitler, o povo alemão também não passa em branco pelas piadas de Charles Chaplin, que não perdoa nem o idioma agressivo da Alemanha.


Borat - Ele é irmão de uma das melhores prostitutas de seu país e a beija na boca. De língua. Com piadas agressivas sobre países de terceiro mundo, Borat foi banido no Cazaquistão. Mas depois que o filme gerou uma explosão no turismo do país, a proibição foi esquecida.

                       

Brüno - O jovem repórter de moda austríaco faz de tudo para ganhar fama, inclusive comprar um bebê africano só para aparecer nas capas de revista ou aparecer pelado onde quer que seja para atrair os flashes das câmeras.



O Ditador - O General Almirante Shabazz Aladeen, vivido por Sacha Baron Cohen é uma caricatura ácida dos líderes do Oriente Médio. Ele não deixa a democracia chegar nem perto de seu país e tem suas próprias Olímpiadas. Tá bom pra você?



Todo Mundo Em Pânico 2 - Quem não se lembra do mordomo que tem deficiência no braço esquerdo e o enfia na torta ("Meus germes!"), além de usá-lo para limpar o peru? Ou da corrida de cadeira de rodas? O filme está cheio de piadas que não são nada politicamente corretas.

Rock of Ages: uma análise completamente parcial




##ATENÇÃO CONTÉM SPOILERS!##

Dirigido por Adam Shankman, Rock of Ages é um filme baseado em um homônimo musical da Broadway, que conta a história e sonhos de estrelas do rock e de jovens que querem se tornar uma.

A história do filme gira em torno de Sherrie (Julianne Hough), uma moça do interior que tem o sonho de se tornar cantora profissional, Drew (Diego Boneta), um rapaz que trabalha numa casa de shows e quer ser rock star e Stacee Jaxx (Tom Cruise), um rock star egocêntrico e hedonista. Sherrie chega em Los Angeles a fim de realizar seu sonho. Ao chegar na cidade, tem a imensa sorte de ser assaltada. Então aparece Drew e consegue um emprego para ela casa de shows Bourbon, ícone do cenário rock da cidade. Drew também trabalha na Bourbon. Só que a casa está passando por problemas financeiros. O dono do local é Dennis Dupree (Alec Baldwin), que tem a ideia de tentar salvar a casa fazendo o último show da Arsenal, a banda de Stacee Jaxx, que seguirá carreira solo em seguida. Só que Patricia Whitmore (Catherine Zeta-Jones), a esposa do prefeito da cidade, está disposta a fechar a casa por considerá-la um antro de prostituição e de adoração ao demônio, causando má influência sobre a cidade. Após o show do Arsenal, o empresário da banda fica com todo o lucro do show e deixa o Bourbon ainda no vermelho, além de levar Drew com ele e fazê-lo assinar um contrato para cantar rap. No fim de tudo, Patricia era uma antiga groupie de Stacee Jaxx, que dá um pé na bunda de seu empresário e paga as dívidas do Bourbon, que faz outro show da Arsenal (sim, eles desistiram do fim da banda) e cantam uma música composta por Drew (que agora canta com sua namorada Sherrie na banda deles), que termina o filme junto com Sherrie.

O Justiceiro | ator revive personagem em curta

O filme "O Justiceiro" onde teve o ator Thomas Jane encarnando Frank Castle estreou em 2004, e apesar de bom não teve muitas pretensões; veio uma sequência ridícula com violência desnecessária. Agora os direitos sobre o personagem voltou para Marvel, e apesar de nada confirmado podemos ter esperanças de vermos "O justiceiro" nas telonas.
O ator Thomas Jane nesse excelente curta divulgado na  Comic-Con desse ano voltar a encarnar o Justiceiro. Vale MUITO a penas conferir. Imagine um filme da Marvel com o clima desse curta-metragem!?





70 anos de Batman - Infográfico

Em meio a expectativa da estreia de "Batman – O Cavaleiro das Trevas Ressurge" que será no próximo dia 27 do mês presente no Brasil, apresento um infográfico que mostra todas as histórias já publicadas do homem morcego de 1939 até os filmes atuais do Nolan. Criado por @blairerickson. Apreciem a história.


(Clique na imagem para ampliar)



Detachment



Detachment (EUA, 2011) é um filme comovente. O modo como a obra retrata os dramas vividos por professores e alunos dentro e fora da escola chega a tocar o mais indiferente dos espectadores.   
O longa dirigido pelo cineasta Tony Kaye traz nomes bastante conhecidos pelo público, como Adrien Brody (O Pianista) e Lucy Liu (As Panteras Detonando). O primeiro interpreta um professor substituto que “pula” de escola em escola dando lições de inglês e literatura. A segunda faz uma conselheira, uma espécie de orientadora pedagógica.
Henry Barthes, o personagem de Brody, é um sujeito que a todo custo insiste em acreditar no papel da escola, do professor e da educação. A todo custo porque vemos que a sua vida, bem como a de seus colegas de profissão, não é nada fácil. Aos problemas enfrentados em sala de aula vêm se juntar aqueles vivenciados fora desta.
O filme mostra os “bastidores” da vida de um professor. Barthes tem um avô que vive num asilo e que apresenta sérios problemas de saúde; ele também é constantemente perturbado pelas lembranças de sua mãe, que ao que parece cometeu suicídio; além disso, passa a lidar com os sofrimentos de uma prostituta (interpretada de forma maravilhosa pela atriz Sami Gayle), a quem decide ajudar após esta lhe aparecer com marcas de agressão.
A escola em que Barthes trabalha é apresentada de modo a dar a impressão de que se trata de um ambiente seco, sombrio, marcado pela “indiferença” (Detachment, em inglês) do título. Como ele coloca, muitos alunos acreditam que os professores dali não têm nada para lhes ensinar; já os professores, como fica evidente na conversa entre a personagem de Liu e um dos docentes mais antigos da instituição, ressentem-se do fato de que por mais que o professor faça, não recebe um “muito obrigado”.
Barthes, podemos ver, é alguém que procura “estourar” a bolha de indiferença ao seu redor. Ele crê que educar significa também ajudar o outro a acreditar em si, a não perder o encanto.
No mais, o filme é uma ótima ferramenta para se discutir o trabalho do professor. Nesses tempos de protestos por mais respeito para com os docentes, a obra de Kaye acerta em cheio ao mostrar os vários desgostos que afetam a vida daqueles que já foram chamados de “heróis”, mas que nunca foram tratados como tais, pelo menos no Brasil.  

Charles dos Santos
Assista ao trailer:

ANGER MANAGEMENT: WINNING?




A expectativa não era pouca em torno da estreia de Anger Management, a nova série de televisão americana do ator Charlie Sheen, que prevê 10 episódios para a 1ª temporada (com continuação ainda a ser avaliada). O grande alvoroço em si não era tanto pela série, mas pela volta de Charlie Sheen, de 46 anos, símbolo de Two And a Half Men e personagem central em umas muitas confusões que lhe renderam uma sobrevida a mais como bad boy da televisão americana, especialmente após sua saída dos sets de filmagem em março de 2011, depois de muitas drogas e álcool. A nova série de Charlie, que estreou dia 28 de junho (quinta-feira) no canal pago FX, às 21h00 (horário local), é baseada num filme homônimo de 2003 (e muito bacana, por sinal, com grande atuação de Jack Nicholson). No novo trabalho, que pode ser o último do ator, Charlie Sheen interpreta “Charlie” (como de costume), mas que agora é um ex-jogador de beisebol, que teve sua carreira tragicamente/comicamente encerrada por se contundir num surto de raiva incontrolável e que atualmente ganha a vida, ironicamente, como um terapeuta pouco ortodoxo e especialista no controle da raiva. Além do sempre polêmico Charlie Sheen, o elenco de Anger Management conta com: Selma Blair, Daniela Bobadilla e Shawnee Smith.

O espetacular Homem-Aranha: a história não contada(?)

★★ (Regular)

E acabou de estrear no cinema o reebot de um dos super heróis mais humanos de todos, Homem-Aranha. Dirigido por Marc Weeb (500 dias com ela) o novo filme não traz nada de novo em relação a anterior franquia datada de 10 anos atrás, no entanto consegue ser sumariamente superior naquilo que foi proposto, sem muitas surpresas, ou seja, quem assistiu a trilogia sabe exatamente como o filme vai começar e como ele vai terminar, os spoilers desse filme são os três filmes anteriores.
E o que "O espetacular Homem-Aranha" traz de tão espetacular? Bom, em termos de gráficos 3D, nada. O 3D é praticamente inexistente, tanto em termos de profundidade, quanto em termos de "coisas jogadas em nossa cara". A primeira metade do filme é focado na vida de Peter Parker e no seu relacionamento amoroso, e é exatamente aqui que vemos a mão do diretor Marc Webb, muito pela semelhança com seu filme mais cultuado, a saber, 500 dias com ela. O diálogos com olhares e sem quase nenhuma fala só pelo contexto amoroso da interpretação dos atores, são maravilhosos e talvez seja o relacionamento mais real e convincente do todos os filmes de super-heróis até hoje. O entrosamento entre os personagens Peter Parker (Andrew Garfield)  e  Gwen Stacy (Emma Stone)  consegue ser real, muito devido o entrosamento entre os atores e por ser muito bem dirigidos; aliás um ponto alto do filme é a atuação de Andrew Garfield, ele honrou o discurso que deu na comic-con 2011

Novo trailer de "Resident Evil 5: Retribuição" surpreende


Acabou de ser lançado o 2º trailler da franquia mais polêmica do mundo dos Games. Resident Evil (filmes) para alguns gamers é uma total heresia a história do game, e um dos principais motivos é dele ter uma personagem criada especificamente para o cinema inexistente no mundo virtual. No entanto, apesar da franquia cinematográfica não ser lá essas coisas, penso que para analisar Resident Evil é preciso se dissociá-lo, se possível, da história do jogo, coisa que, ao que se parece está mudando, dedemos ter esperanças "gamísticas" nesse próximo filme.
O plot que nos é apresentado nesse trailer é bem peculiar e surpreendente por alguns motivos: 
1º. A primeira sequência do trailer nos faz pensar "WTF? Estou vendo o trailer filme errado?" No entanto, logo depois entram em cena os zumbis e uma sequência no maior estilo teaser de do jogo Dead Island http://www.youtube.com/watch?v=lZqrG1bdGtg ao menos no cenário.
2º. Apesar do roteiro ser voltado quase que integralmente, pelo que se pode ver, para a personagem Alice, podemos ter esperanças com a apresentação de personagens novos no cinema mas velhos conhecidos nos games da franquia. Nesse trailer vemos Barry (Kevin Durand), Ada (Li BingBing) e Leon (Johann Urb). [isso foi uma das principais reclamações do fãs que foi atendida]
3º. O roteiro do filme está, finalmente, se aproximando de maneira mais intrínseca da história dos games.

Confira abaixo o novo trailer.


Ficha técnica: 

Elenco: Milla Jovovich, Sienna Guillory, Colin Salmon, Li BingBing, Michelle Rodriguez, Shawn Roberts, Boris Kodjoe, Johann Urb.

Direção: Paul W.S. Anderson
Gênero: Terror
Distribuidora: Sony Pictures
Orçamento: US$ 90 Milhões
Estreia: 14 de Setembro de 2012

Sinopse: Em 'Resident Evil 5: Retribuição', o vírus mortal T, desenvolvido pela Umbrella Corporation, continua dizimando o planeta Terra, e transformando a população global em legiões de mortos-vivos comedores de carne. A única e última esperança da raça humana, Alice (Milla Jovovich), desperta no centro de operações clandestinas da Umbrella, e descobre mais segredos do seu passado misterioso conforme se aprofunda no complexo. Sem um porto seguro, Alice continua a caçar os responsáveis pelo vírus; uma perseguição que a leva de Tóquio a Nova York, Washington, DC e Moscou, culminando em uma revelação alucinante que irá forçá-la a repensar tudo o que ela acreditava ser verdade. Ajudado por seus novos aliados e antigos amigos, Alice precisa lutar para sobreviver o tempo suficiente para escapar de um mundo hostil que está prestes a ser destruído. A contagem regressiva já começou...

Fonte da ficha técnica: http://www.cinepop.com.br

Confira também a nossa análise de Resident Evil: Degeneração http://www.sociedadeencena.com/2012/02/resident-evil-degeneracao.html 

Django Livre: primeiro trailer do novo filme de Quentin Tarantino



Confira o primeiro trailer de Django Livre, o primeiro filme de Quentin Tarantino com a temática faroeste.
Sinopse oficial:
"Ambientado no sul dos Estados Unidos dois anos antes da Guerra Civil, Django Livre  é estrelado pelo vencedor do Oscar, Jamie Foxx, como Django, um escravo cujo histórico brutal com seus ex-senhores o coloca cara a cara com o caçador de recompensas alemão, Dr. King Schultz (o vencedor do Oscar, Christoph Waltz). Schultz está no encalço dos sanguinários irmãos Brittle, e Django é o único que pode levá-lo à sua recompensa. Heterodoxo, Schultz compra Django com a promessa de alforriá-lo assim que capturar os Brittle – mortos ou vivos.
O sucesso leva Schultz a libertar Django, embora os dois optem por não seguirem caminhos separados. Em vez disso, Schultz caça os criminosos mais perigosos do sul dos EUA tendo Django ao seu lado. Aperfeiçoando suas habilidades vitais de caça, Django permanece focado em um único objetivo: encontrar e resgatar Broomhilda (Kerry Washington), a esposa que ele havia perdido para o tráfico de escravos há muito tempo. A busca de Django e Schultz acaba levando-os até Calvin Candie (Leonardo DiCaprio), o proprietário de “Candyland”, uma fazenda abominável onde os escravos são preparados pelo treinador Ace Woody (Kurt Russell) para lutarem entre si por esporte.
Explorando a fazenda sob falsos pretextos, Django e Schultz despertam a desconfiança de Stephen (Samuel L. Jackson), o fiel escravo doméstico de Candie. Suas manobras são percebidas, e uma organização traiçoeira fecha um cerco ao seu redor. Se Django e Schultz quiserem escapar levando Broomhilda, eles precisam escolher entre a independência e a solidariedade, entre o sacrifício e a sobrevivência…"
Estrelando Jamie Foxx, Samuel L. Jackson, Christoph Waltz, Leonardo DiCaprio, Kerry Washington, Sacha Baron Cohen, Anthony LaPaglia, Don Johnson, entre outros,Django Livre estréia nos cinemas brasileiros em 18 de janeiro de 2013.

ApocalipZe - Websérie


Seguindo a boa levada de boas séries que anda surgindo no Brasil , apresento a vocês mais uma que chamou muito minha atenção por um plot sobre apocalipse de armas biológicas pode estar mais próximo do que a gente imagina. Confira a sinopse e assista a primeira temporada em cinco episódios da websérie logo abaixo.

Sinopse:
O ano é 2015, o Brasil foi campeão da Copa do Mundo e vive um momento de intenso crescimento econômico e euforia nacionalista. Ao contrário do resto mundo, que está afundado em uma crise, agravada pelo anúncio de que os grandes países produtores de combustíveis fósseis mentiram sobre suas reservas. O relatório que vazou pela internet diz que as reservas de petróleo estão se esgotando com previsões para acabarem em apenas 5 anos.

Neste contexto, o Brasil se torna um dos maiores produtores de petróleo do mundo e, por causa disso, foi alvo de um grande ataque bioterrorista coordenado em várias cidades do país, em função do controle da jazidas do pré-sal. As principais capitais foram cruelmente atacadas, de forma a gerar um pânico sem precedentes na população brasileira. Alguns dizem que foram os países árabes, outros que foram os Estados Unidos ou até mesmo a Venezuela, mas a única certeza é de que várias facções paramilitares, mercenários e até mesmo grupos do tráfico organizado brasileiro estão atuando em nome de alguém. Ninguém sabe ao certo, mas há rumores de que o Clube Bilderberg esteja envolvido nisso. 
Episódio 1


Episódio 2

Episódio 3

Episódio 4

Episódio 5

Para maiores informações: http://apocalipze.webseriados.com/plus/

Pôsteres de filmes com os personagens dos Simpsons

A familiaridade com a família (com perdão da redundância) que mais tempo ficou sendo televisionada extrapola as fronteiras de Springfield. A internet está repleta de versões "Simpsonsnizadas" das mais variadas coisas da cultura pop feita pelos fãs da série. No entanto, nenhuma que conheço chega perto do que é feito pela Claudia-R em seu perfil no deviant. São versões simpsonsnizada de alguns filmes que marcaram a história do cinema mundial e outros que nem tanto, mas vale a pena conferir todos.

Os 5 filmes mais esperados do ano

Confira abaixo as 5 maiores expectativas de bilheteria e crítica e, por que não, candidatos a filme do ano. Por ordem de lançamento.
Aguardemos...

#1 Prometheus


Sinopse: O visionário diretor Ridley Scott retorna ao gênero que ele ajudou a definir, criando um épico de ficção-científica original em um dos lugares mais perigosos do universo. O filme une uma equipe de cientistas e exploradores em uma jornada que testará os limites físicos e mentais, coloncando-los em um mundo distante, onde eles descobrirão as respostas para nossos dilemas mais profundos e para o grande mistério da vida.

Estreia 15 de junho.

#2 O espetacular Homem-Aranha




Sinopse: Um dos personagens mais populares do mundo está de volta às telonas quando um novo capitulo de sua saga é revelado em O Espetacular Homem-Aranha™. Focando numa historia ainda não revelada, que traz um novo lado da vida de Peter Parker, o novo filme é estrelado por Andrew Garfield, Emma Stone, Rhys Ifans, Denis Leary, Campbell Scott, Irrfan Khan, com Martin Sheen e Sally Field. O filme é dirigido por Marc Webb a partir do roteiro escrito por James Vanderbilt, baseado na história em quadrinhos da Marvel de Stan Lee e Steve Ditko. Laura Ziskin, Avi Arad e Matt Tolmach produzem o filme em associação com a Marvel Entertainment para a Columbia Pictures. O filme terá sua estreia mundial, em 3D, em 03 de julho de 2012. 

#3 Batman - The Dark Knight Rises




Sinopse: Oito anos após os eventos ocorridos em Batman - O Cavaleiro das Trevas, o terrorista Bane (Tom Hardy) retorna para Gotham City, provocando o pânico e o desespero. Sem forças para enfrentar o terrível criminoso, sedento de sangue, a polícia da cidade chega ao seu limite, fazendo com que Batman (Christian Bale) retorne de seu exílio por ter sido responsabilizado pelos crimes de Harvey Dent. A hora da vingança está chegando. Resta saber quem sairá vencedor?

Estreia 27 de julho.

#4 Os Mercenários 2




Sinopse: Os mercenários são contratados pelo misterioso Church (Bruce Willis) para capturar um perigoso contrabandista de plutônio (Van Damme). Mas, algo dá errado e um deles é brutalmente assassinado. Barney Ross (Stallone) e seus homens prometem vingança.

Estreia 31 de agosto.

#5 The Hobbit


Sinopse: segue a aventura do personagem-título Bilbo Bolseiro, que enfrenta uma jornada épica para retomar o Reino de Erebor, terra dos anões que foi conquistada há muito tempo pelo dragão Smaug. Levado à empreitada pelo mago Gandalf, o Cinzento, Bilbo encontra-se junto a um grupo de treze anões liderados pelo lendário guerreiro Thorin Escudo-de-Carvalho. Essa aventura irá leva-los a lugares selvagens, passando por terras traiçoeiras repletas de Goblins e Orcs, Wargs mortais e Aranhas Gigantes, Transmorfos e Magos.

Estreia 21 de Dezembro.

Especial enCena - Trilogia Mariachi


Olá, pessoas! Nesse especial, apresento, a quem não conhece, uma trilogia latina de um cineasta que, na minha opinião, foi muito bom no começo da carreira mas que agora não rende muito com o "cinema pipoca"; estou falando de Robert Rodriguez e a sua épica trilogia. 
A Trilogia Mariachi é composta por filmes contam a história de um músico "mariachi" que se torna um pistoleiro lendário, com um caser de violão  cheio de armas e em busca de vingança contra a máfia local. O primeiro filme é de 1992 El Mariachi, do A Balada do Pistoleiro (1995) e fechando a trilogia Era uma vez no México (2003). Os dois últimos filmes tiveram o papel principal interpretado por Antonio Banderas. Não há muita diferença entre os três filmes, no entanto, nós podemos observar a evolução cinematográfica presente na trilogia, apesar dos dois últimos ser tecnicamente muito superiores ao primeiro, este consegue primar mais a história e ser mais cativante. Vale a pena rever todos.

El Mariachi (1992)




A Balada do Pistoleiro (1995)





Era uma vez no México (2003)

4 minutos de "O espetacular Homem-Aranha"

Simplesmente espetacular, é só aguardar...



O filme tem Andrew Garfield como Peter Parker/Aranha, Emma Stone no papel de Gwen Stacy, Ryhs Ifans como Lagarto, Martin Sheen como Tio Ben e Chris Zylka como Flash Thompson. A direção é de Marc Webb (de 500 Dias com Ela) e o roteiro é de James Vanderbilt. O longa terá versões em 3D.
A estreia é em 6 de julho.



Fonte: http://ovicio.com.br

Batman – O Cavaleiro das Trevas Ressurge | ganha novo trailer

Acaba de ser lançado o 3º trailer do fim da trilogia dirigido por Christopher Nolan, Batman – O Cavaleiro das Trevas Ressurge (The Dark Knight Rises), chega aos cinemas em 20 de Julho de 2012. Confira.


Christian Bale (Batman), Anne Hathaway (Mulher-Gato), Tom Hardy (Bane), Marion Cotillard (Miranda Tate), Joseph Gordon-Levitt (John Blake), Gary Oldman (Comissário Gordon), Morgan Freeman (Lucius Fox), Michael Caine (Alfred), Josh Pence (jovem R’as al Ghul), Daniel Sunjata (um oficial de forças especiais), Diego Klattenhoff, Juno Temple (Holly Robinson), Nestor Carbonell(prefeito de Gotham) e Burn Gorman estão no elenco.

Ilustrações gráficas de personagens dos quadrinhos e do cinema

Na eminência da estreia do filme: "Os Vingadores", o Blog Sociedade enCena apresenta uma série de ilustrações gráficas espetaculares com alguns dos personagens mais emblemáticos do mundo dos quadrinhos e do cinema. Apreciem.









Comics Cover Artworks
Created by Greg Horn


Titanic 3D - Vale a pena voltar ao cinema para assistir?

Olá pessoas, faz tempo que posto nada, mas diante da volta dessa grande obra cinematográfica que a história da humanidade já presenciou, um filme catástrofe onde James Cameron conseguiu colocar doçura no evento real tão triste; deixo com vocês um vídeo de um crítico de cinema que mais admito atualmente, Maurício Saldanha - é a volta do (novo) CabineCelular - ele expõe praticamente tudo que poderia explicitar em um texto. Assista e dê sua opinião.



- Também leia o que escrevi a quase um ano atrás sobre então possível volta de Titanic aos cinemas http://www.sociedadeencena.com/2011/05/titanic-volta-aos-cinemas.html e tire suas próprias conclusões.